A oeste do Cabo Carvoeiro e de elevado valor biológico, o arquipélago das Berlengas é considerado Reserva Mundial da Biosfera da UNESCO desde 2011 e Reserva Natural desde 1981. É composto por três pequenos grupos de ilhéus com encostas escarpadas, as Estelas, os Farilhões e a Berlenga Grande, sendo o último considerado o principal e mais conhecido.

Face às caraterísticas naturais do arquipélago, podem ser facilmente avistadas diversas espécies de fauna e flora endémicas, assim como, aves marinhas que nidificam na ilha.

As suas águas límpidas e o próprio clima, proporcionam as condições ideais para a prática de mergulho e observação de espécies aquáticas (peixes, plantas e moluscos).

Mergulhar nas Berlengas é ter a oportunidade de vivenciar experiências únicas e valorizar o seu ecossistema marinho, repleto de vida submarina. Sargos, safias, carapaus, peixes-lua e peixes-galo, são algumas das espécies existentes neste “pequeno grande” paraíso aqui tão perto!